Sobre Leonardo Távora

Descrever-se é algo tão difícil! Principalmente porque somos sobretudo humanos, e como tal, temos, todos, pontos positivos e negativos. Eu sou alguém tão normal, tão comum quanto cada pessoa que cruza minha vida. Vejo todos de igual forma, pois ninguém é melhor nesse mundo. Somos iguais, ainda que com habilidades diferentes. Um sonhador, você poderia dizer. Eu até concordo, mas me vejo como um sonhador que sabe aonde quer chegar, e apesar de ver poesia nas difícil e cinzenta realidade, sabe que não vivemos em um conto de fadas, aliás, que estamos muito longe disso. Ainda assim, prefiro ver algo positivo nas coisas, pois sem isso, sem a esperança, viver passa a ser enfadonho e demasiado penoso.

Eu mesmo gosto muito de duas coisas que se entrelaçam e divergem em modos de vista. Sempre gostei da política, e quando falo isso, logo vem o “olha, ele quer se meter no meio dos ladrões do país. Na certa é pra se dar bem também”. Mas a verdade é que eu sinto que vivemos em uma sociedade, e que para ela funcionar, todos precisam contribuir, senão viveremos um caos. Sinto que a política é uma esfera na qual eu posso contribuir e dar minha parte na formação de um mundo senão perfeito, ao menos ideal para nós (todos nós). Idealismo? Talvez. Pelo menos faço a minha parte.

Já a literatura é algo pelo qual sempre fui um apaixonado. É das artes a que mais me liberta, pois posso imaginar a história à minha maneira. E se ao ler é assim, imagine ao escrever, dar vida a personagens e situações, e brincar de Deus colocando nas páginas de um romance, conto ou crônica os elementos que suscitarão em outras pessoas sentimentos, os mais diversos, talvez da maneira que eu mesmo senti ao escrever, ou mais provavelmente da maneira que eles próprios entenderem melhor ao absorver a sucessão de acontecimentos dispostos nas histórias. Por isso gosto da literatura, pois ela é capaz de me dar as asas que a realidade por vezes me tira.

Bom, sou formado em Relações Internacionais pelo Instituto de Educação Superior de Brasília, e sempre fui muito afeito à política. Esta foi, desde os primórdios da minha vida profissional, a maior vocação, juntamente com o interessante gosto pela literatura. Hoje desenvolvo trabalhos intelectuais, prestando serviços de consultoria em assuntos internacionais, e trabalhando junto à Juventude tucana em Minas Gerais, por um Brasil melhor, ou pelo menos que eu acredito ser melhor. Sou um entusiasta da política, e militante do Partido da Social Democracia Brasileira – PSDB – desde os meus dezesseis anos de idade.

Enfim, assim sou eu. Alguns gostam, outros não. Como tudo na vida. Seria muito chato se tudo o que fizéssemos agradasse a todos e nossas vidas fossem flores pela eternidade. Seria tudo muito igual, e o bom é a diversidade, seja de pensamento, de modo de agir, ou de tantas outras coisas.

Um grande abraço!!!

Acesse meu outro blog também:

 www.literaturaexposta.blogspot.com

Também estou dando meus pitacos lá no twitter: (@LeonardoTavora)

comentários
  1. leonardo távora disse:

    cara…muito engraçado que exista um outro leonardo távora.nós távoras fomos trucidados na torre de belém,pelos comparsas do marquês de pombal.engraçado q vc exista.

  2. Maci Nogueira disse:

    Prezado Leonardo,
    É muito saudável ler o que pessoas lúcidas como você têm a dizer! Nossos olhos e ouvidos estão desestimulados com a comunicação senil da maioria que, infelizmente, ainda encontra eco.
    Grande abraço
    Maci Nogueira

  3. Gabrielle disse:

    Olá, Leonardo. Sou jornalista e gostaria do seu contato de e-mail para a formação de um mailing para FNE.

    Obrigada

    Gabrielle Kopko

  4. Thais disse:

    Ei Távora, li o texto de hj: “As Coisas do Governo do Brasil: Projetos de poder não visam crescimento do Estado Brasileiro”. Queria dizer que tb aprovo a administração do Aécio. Vc viu a última dele no fórum Brasil 2020?

    Além de assumir as metas do State of The World Forum para frear o aquecimento global até 2020, colocando Minas na luta pela sustentabilidade, mostrou que só com muito debate vamos conseguir encontrar soluções e cumprir estes objetivos. E o prazo nem é tão longo assim!

  5. danielct disse:

    Ae Leonardo, tudo bem? Hehehe.
    Foi bom ter contado com sua ajuda na Monde, você era uma das pessoas “de alto nível” que tinha lá, o mais estudioso dentre os demais. Tem notícias sobre como ela está?

    Sobre os sites: Vou colocar no politicaexterna.com um link para seu site.

    Caso tenha interesse em cooperar, estou aberto. É só enviar um e-mail para danielct@uol.com.br ou webmaster@politicaexterna.com.

    Desejo sucesso para você.
    Daniel Cardoso Tavares

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s